Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Cockpit Automóvel - Conteúdos Auto


Quarta-feira, 28.05.14

ENSAIO: Honda Civic Tourer 1.6 i-DTEC

Conjuga uma incontornável presença exterior bastante dinâmica a uma extraordinária versatilidade interior. A isto junta-se o fantástico desempenho da unidade diesel 1.6 com 120 cv. Além de proporcionar uma condução muito agradável, este motor garante silêncio a bordo e uma total ausência de vibrações. Notável são também os consumos. Sem grande prejuízo da dinâmica da condução, a média do ensaio andou invariavelmente em redor dos 4,5 litros. A partir de 25.900 euros, custa cerca de mais 1200 euros do que a versão de 5 portas. Mas esse valor inclui 624 litros de bagageira ou uma superfície plana de quase 1,7 metros quando se rebatem os bancos traseiros. Bancos esses que conservam a sua função “mágica”… (LER MAIS)

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Quinta-feira, 04.04.13

ENSAIO: Honda Civic 1.6 i-DTEC (MY 2013)


Com alguns anos de atraso em relação à concorrência, a marca japonesa tem, finalmente, o seu próprio motor diesel de média cilindrada. Tardou mas, há que reconhecê-lo, valeu a pena esperar. O seu surgimento no mercado foi, portanto, uma boa razão para regressar ao volante do Civic e testá-lo com esta nova motorização diesel de 1597 cc, 120 cv e uns fantásticos 300 Nm de binário às 2000 rpm. Uma das grandes vantagens, em mercados onde o preço final está dependente da carga fiscal que incide sobre a cilindrada e sobre as emissões, é a faculdade de conseguir valores de comercialização mais competitivos. Assim, o custo da versão mais económica com este motor situa-se perto dos 25 mil euros, cerca de três mil euros a menos do que a versão 2.2 i-DTEC (ver AQUI o ensaio), a única proposta diesel até agora existente. Mais considerações sobre o ensaio já a seguir. (PROSSEGUIR PARA A LEITURA COMPLETA DO ENSAIO AO HONDA CIVIC 1.6 DTEC 2013)

Autoria e outros dados (tags, etc)

Quinta-feira, 24.01.13

Reformulação das gamas Peugeot 3008 e 5008

Numa altura em que está a comemorar 115 anos de presença em Portugal, a Peugeot Portugal reformula as gamas já existentes. Depois de enriquecer a gama 308 com equipamento adicional e de reposicionar o seu preço (acompanhar AQUI o conteúdo dessas alterações), repete a mesma fórmula com o 3008 e o 5008. Nestes, a par de uma série especial “Style” recheada de equipamento, a grande novidade é a evolução do motor 1.6 HDi, com ganhos de potência e redução de emissões de CO2: passa a ter 115 cv e reduz as emissões de 130 para 125 g/km. A partir de agora, quer o Peugeot 3008 Style 1.6 HDi 115 CVM6 como o 5008 Style, com o mesmo motor, passam a estar disponíveis a partir de 26.560 euros. Vamos então saber, em concreto, o que há de novo. (PROSSEGUIR PARA O TEXTO COMPLETO COM AS NOVIDADES NA GAMA 3008 E 5008)

Procura automóvel novo, usado ou acessórios? Quer saber mais sobre este ou sobre outro veículo?

Autoria e outros dados (tags, etc)

Quarta-feira, 16.11.11

Carro novo no sapatinho este Natal

No final de cada ano, a prevista renovação das respectivas gamas e a necessidade de realizar números de vendas para manter quotas de mercado, obriga as marcas a efectuarem aguerridas campanhas de venda, com descontos substanciais na aquisição ou oferta de mais equipamento sem acréscimo de preço para o consumidor. Para os particulares, mas igualmente para muitas empresas, esta é uma oportunidade excelente para adquirir um carro novo com um desconto que, em alguns casos, ultrapassa a meia dezena de milhares de euros…
Já AQUI foi referida uma campanha especial de aquisição do Mitsubishi Lancer 1.8 DID e AQUI do híbrido Honda Insigh. Nesta última marca, também o Honda Jazz 1.2 e 1.4 passou a ser alvo de uma campanha especial de aquisição, com realce para a versão 1.2 Easy, agora a partir de 11990 euros, fora despesas de transporte e de logística.
As diversas ofertas para aquisição de um carro novo, ou semi-novo, nesta altura do ano ou antes do verão, surgem com o fito de aliciar o consumidor que nesses períodos recebe uma remuneração extra. Ora se para alguns tal remuneração passou a ser uma utopia e para os funcionários públicos esse valor foi cortado para metade, algumas marcas passaram a propor pagamentos com início apenas no próximo ano. Desde que a aquisição aconteça até ao final de 2011, está claro.
Apesar da internet ter passado a ser o meio privilegiado para apurar e conseguir obter informações sobre as melhores campanhas e os melhores descontos, nada obsta também a que se efectue um contacto directo concessionário a concessionário. É que, muitas vezes, é possível negociar não só as ofertas, como também campanhas especiais de crédito.
Mas este é um panorama que em breve poderá mudar substancialmente. Muitos construtores estão a começar a vender os veículos directamente através da internet, tal como actualmente acontece com muitos produtos de consumo.


Melhor para o ambiente, melhor para a carteira


Uma das fórmulas para conseguir um preço mais vantajoso para determinado modelo é homologar uma das suas versões com valores de emissões poluentes particularmente baixos.
Por via disso, os benefícios fiscais são reflectidos ou sobre o preço final ou dissolvido na oferta de mais equipamento. Com evidentes benefícios para todos, incluindo o ambiente.
Tomemos por exemplo o caso do Peugeot 207 1.6 HDi, onde um conjunto de alterações fez reduzir as emissões de 110 gr/km de CO2 para as actuais 98 gr. Equipado com pneus economizadores de energia e uma gestão optimizada do motor, foi-lhe acrescentado um aileron, uma grelha de entrada de ar, uma carenagem sob o motor e jantes específicas. Tudo com o intuito de melhorar a aerodinâmica e, se isto efectivamente assegura, ou não, os tais 98 gr de emissões, a verdade é que permite colocar o seu preço abaixo dos 20 mil euros.


Vantagem nas marcas menos conhecidas


Num ano em que comemora o seu centésimo aniversário, a Chevrolet tem também a decorrer uma campanha para aquisição de carro novo. Com uma gama renovada, desde o pequeno Spark (que, a propósito, dispõe de uma versão GPL) até ao familiar e versátil Chevrolet Captiva, a marca americana tem vindo, gradualmente a conquistar mercado em Portugal.
Aliás, é nas marcas mais recentes que encontramos maior agressividade das vendas. Veja-se por exemplo o caso da coreana Kia, com ofertas comerciais, em toda a sua gama, que podem atingir os 2350 euros.
Apesar de já não estar em vigor por parte do Estado português, alguns representantes nacionais mantém ainda programas próprios de incentivo ao abate de modelos mais antigos. Ou seja, na entrega de um carro com oito ou mais anos é deduzido determinado valor na aquisição de um carro novo, ou essa quantia é traduzida em mais equipamento ou em serviços futuros de manutenção.
A este último propósito, convém não esquecer a oferta das operações programadas de manutenção (as chamadas revisões) ou extensões de garantia que podem também representar uma poupança de várias centenas de euros.
Só por isto a oferta é tão vasta que se tornaria demasiado exaustivo referir todas as que existem.
Fica pelo menos o propósito de alertar o leitor para investigar e fazer bem as contas se a sua intenção, este ano, for “pedir” um carro novo ao Pai Natal…

Autoria e outros dados (tags, etc)



Pesquisar notícias ou ensaios anteriores

Pesquisar no Blog  

Quem somos...

"COCKPIT automóvel" é um meio de comunicação dirigido ao grande público, que tem como actividade principal a realização de ensaios a veículos de diferentes marcas e a divulgação de notícias sobre novos modelos ou versões. Continuamente actualizado e sem rigidez periódica, aborda temática relacionada com o automóvel ou com as novas tecnologias, numa linguagem simples, informativa e incutida de espírito de rigor e isenção.
"COCKPIT automóvel" é fonte noticiosa para variadas publicações em papel ou em formato digital. Contudo, a utilização, total ou parcial, dos textos e das imagens que aqui se encontram está condicionada a autorização escrita e todos os direitos do seu uso estão reservados ao editor de "Cockpit Automóvel, conteúdos automóveis". A formalização do pedido de cedência de conteúdo deve ser efectuado através do email cockpit@cockpitautomovel.com ou através do formulário existente na página de contactos. Salvo casos devidamente autorizados, é sempre obrigatória a indicação da autoria e fonte das notícias com a assinatura "Rogério Lopes/cockpitautomovel.com". (VER +)